Blog Instituto Mix
Escrito por Instituto Mix Tempo de leitura: aproximadamente 4 minutos.

Tanto para quem sofre com os sintomas do transtorno de ansiedade generalizada quanto para pessoas ligeiramente ansiosas é importante adotar mecanismos para controlar a ansiedade. Afinal, quem gosta de sentir todas as sensações negativas que a acompanham?

A chave para que as dicas funcionem de verdade é a repetição. Tentar uma vez não é o suficiente e não vai fazer a ansiedade desaparecer milagrosamente. Você precisa desenvolver hábitos positivos através da reeducação do cérebro.

Pode soar complicado, mas está longe disso! As nossas dicas podem ser rápida e facilmente incorporadas no seu cotidiano. Confira-as abaixo.

Respiração é a chave para controlar a ansiedade


Respirar profundamente é um conselho antigo. Quando inspiramos o ar e expiramos vagarosamente, nosso cérebro compreende que podemos (e devemos) relaxar. O efeito é quase imediato.


No entanto, pode ser difícil combater a respiração ofegante em situações estressantes ou de raiva exacerbada mesmo respirando fundo. Isso acontece porque a respiração profunda também é treino. Ela se torna mais eficiente com o tempo de prática. Somente dois minutos diários de treinamento são necessários para o seu corpo aprender a se acalmar imediatamente.

Exercite o relaxamento


Após um expediente cheio, procure uma música relaxante, desligue as luzes do seu quarto (se preferir) e deite-se confortavelmente. Não pense no trabalho, nos problemas, nas pendências. Concentre-se apenas em sua respiração e na música. De preferência, use fones de ouvido para aprofundar o relaxamento. Repetindo essa curta sessão de relaxamento diariamente, você logo sentirá menos ansiedade.

Pode parecer uma prática estranha à primeira vista, especialmente se você está acostumado a chegar em casa e ir direto para frente da TV. Porém, momentos de silêncio como este são importantes para a nossa saúde mental.

Atividades físicas são grandes aliadas contra a ansiedade


É mais do que confirmado que movimentar o corpo pelo menos três vezes na semana ajuda a controlar a ansiedade, além de agir como prevenção e tratamento complementar para transtornos mentais. A atividade física libera os hormônios da felicidade (dopamina, endorfina e serotonina), promovendo o bem-estar e a disposição física pelo resto do dia.

Se você não tem o hábito, tudo bem. Procure uma atividade a qual acredita que irá gostar e persista pelos primeiros dias.

Tenha em mente pensamentos positivos


Você já percebeu que quando nos lembramos de algo embaraçoso ficamos com vergonha novamente? Ou quando imaginamos uma situação positiva o nosso entusiasmo cresce de súbito? Os nossos pensamentos exercem grande influência em nossos sentimentos e ações. Por isso, muitos transtornos mentais compartilham o sintoma de pensamentos ruins ou desastrosos.

Acontece que podemos modificar nossos pensamentos quando quisermos. Basta começarmos a prestar mais atenção neles. Quando você sentir a necessidade de criar um cenário catastrófico referente a uma situação complicada, visualize exatamente o oposto.

Logo após o despertar, pense em coisas prazerosas, revisite lembranças felizes ou liste as suas qualidades. Brinque com o futuro e imagine surpresas boas ao longo do seu dia. Dessa forma, você aprende a expulsar os pensamentos de má qualidade que não ajudam em nada.

Tenha uma rotina organizada


Outra forma de controlar a ansiedade é planejar o dia com antecedência. Organize os seus afazeres domésticos e compromissos de forma que seja de fácil entendimento. Pode ser em uma agenda, em uma lista, em um aplicativo do celular ou em um mural. Assim, você reduz a imprevisibilidade e acumula autoconfiança para seguir com o dia.

Mas, fica um alerta: não se irrite ou se desespere com imprevistos. Eles são completamente normais. Nem sempre nossos planos são seguidos à risca.

Meditação ajuda contra a ansiedade


Apesar da respiração profunda ter efeitos semelhantes ao da meditação, a prática é igualmente importante para acalmar a mente e o corpo. As primeiras tentativas são complicadas. Muitos ainda não estão acostumados a silenciar a mente. 

Ao dedicar apenas cinco minutos para meditar, contudo, você logo aprende a concentrar-se somente nos sons, em seu corpo e na respiração.

Além de ter o poder de trazer mais tranquilidade para a nossa vida, a meditação ajuda a melhorar a inteligência emocional. Com a mente calma, conseguimos enxergar as situações com mais clareza e não nos deixamos abalar por confrontos ou pré-julgamentos. 

Busque a qualidade do sono sempre que possível


A qualidade do nosso sono reflete em nosso humor e disposição. Dormir bem é importante para a saúde como um todo, por isso, crie um ritual noturno para afastar o desgaste emocional e físico. Você pode tomar um chá, fazer uma leitura leve ou ouvir um áudio relaxante.

Procure se afastar de eletrônicos antes de adormecer. A televisão e o celular são estímulos desnecessários na hora de dormir. Outra dica é não pensar no dia seguinte. Deixe para lidar com as pendências da semana no momento correto, ou seja, após o nascer do sol.

 

Powered by Rock Convert
O que achou do artigo?
Quer receber mais conteúdos como esses gratuitamente? Cadastre seu e-mail e receba nossos conteúdos!