Blog Instituto Mix
Escrito por Instituto Mix Tempo de leitura: aproximadamente 6 minutos.

Essa costuma ser uma das dúvidas mais frequentes de quem tem um estabelecimento e ainda não migrou para o mundo das redes que, como todos sabemos, é o futuro dos negócios, definitivamente. Mas como migrar o meu negócio? Como faço para ir de uma vez para o mundo virtual? É possível?

Vamos responder essas e outras dúvidas pertinentes neste artigo do Notícias e Negócios que, como sempre, tem como missão te ajudar a se adequar às novas realidades do mercado.

Muitas pessoas pensam que negócios físicos e negócios digitais não se misturam. Mas a internet é um ambiente muito receptivo para quem deseja empreender e existem diversos modelos de negócios que podem se adaptar ao seu nicho. Ao dar esse salto e transformar seu negócio físico em digital, você terá a oportunidade de dar um salto nas suas vendas, já que o cliente estará a poucos cliques de distância. E os números mostram que aumentaram muitos as vendas de forma on-line.

Não é preciso jogar o seu negócio presencial para o alto e começar do zero. É totalmente possível aproveitar seus conhecimentos, serviços ou produtos e começar a empreender na internet. E, para facilitar sua vida, damos algumas dicas nesse artigo de como trabalhar novas ideias, pra te ajudar a pensar “fora da caixa”.  

Por que você deve migrar para o mercado digital?

  Vivemos um momento em que devemos nos reinventar e procurar novas soluções para continuar empreendendo. Ter um negócio digital significa não só continuar tendo um negócio, mas também ter a disposição um campo aberto com milhares de possibilidades para crescer e atender muito mais pessoas, sem comprometer seu tempo e qualidade de vida.

Um negócio físico possui muitos custos fixos, que acabam comprometendo boa parte do faturamento. Ao migrar seu negócio para o mundo digital, muitos destes custos deixam de existir, representando uma boa economia para a empresa.

Por exemplo, se você é professor de inglês e aluga um espaço para dar suas aulas, esse custo cairá por terra quando você começar dar as aulas pela internet. E se você imprime o material didático para distribuir para os alunos, é só mandá-lo em formato PDF.  

Mais tempo livre

  Como dono do seu negócio, você sabe que precisa dedicar muito tempo não só na administração, mas também das estratégias de divulgação. Também é preciso contar o tempo de deslocamento até o local, certo?
Mas quem empreende no mercado digital pode fazer isso de casa. Basta ter um computador, acesso à internet e um espaço para sentar e trabalhar. Tirando o tempo para se deslocar até seu negócio, você poderá organizar melhor seus horários e ter mais tempo para sua família e outras atividades para relaxar.  

Migrar para o virtual deixa a gestão mais ágil

  Um negócio, independente de ser físico ou digital, depende de uma boa organização e administração dos seus donos para ter sucesso. Como já dito acima, um negócio físico possui muito mais coisas para serem administradas, que acabam frequentemente gerando boas dores de cabeça para os donos.

Quando se trata de negócios digitais, a gestão é mais simples, já que você terá acesso a informações de forma centralizada e automática.  

Oportunidades de crescimento

  Outra característica presente em negócios digitais é a capacidade de escalabilidade. Sempre há oportunidades de crescimento, já que você define a quantidade de clientes. Ao empreender no mercado digital, poderá chegar a pessoas de qualquer lugar do país, aumentar a exposição da marca, fortalecer o engajamento e poder ajudar mais pessoas com suas soluções.

Uma das estratégias mais eficazes para divulgar um negócio on-line é o marketing de conteúdo, que nada mais é do que criar conteúdos de valor e distribuí-los de graça pelas redes sociais e/ou blog.

Voltando ao exemplo das aulas de inglês, além de alimentar um blog com dicas de conversação e escrita, você pode criar um livro digital em PDF (e-book) com frases e termos em inglês que são importantes em viagens internacionais. Isso faz com que o seu negócio dependa menos do “boca a boca” e mais do você tem a oferecer.  

Como migrar de uma vez para o digital

  Como podemos ler acima, migrar para os negócios digitais pode ser muito acessível e rentável. Para quem deseja colocar a mão na massa e partir para o mercado on-line, rapidamente, é preciso ficar atento às dicas abaixo.

Existem diferenças vitais entre ter um negócio físico e ter um negócio digital. Por exemplo, se você tem uma loja de bebidas, quanto mais pessoas entrarem na loja, maiores são as chances de vender, certo? Um negócio on-line deve focar em qualidade e não em quantidade de pessoas.

A internet dá um amplo leque de possibilidades para empreendedores que desejam investir nesse mercado. Alguns dos principais modelos de negócios digitais são:  

Antes de migrar defina seu segmento e estude o nicho

  A escolha do nicho será essencial para definir o modelo de negócio e o que será vendido. Quando se trata de migrar para negócios digitais, é mais interessante focar em um nicho específico e não em um mercado inteiro. Por exemplo, se você tem uma pizzaria, que tal criar um curso on-line ensinando pessoas sem muita experiência na cozinha a fazer pizzas em casa?


No mundo digital, as pessoas procuram por soluções específicas. Ou seja, mesmo você atingindo um público menor, será possível ter um bom volume de vendas. Escolhido o segmento, é hora de entender sua audiência. Mesmo que traga sua base atual de clientes para o seu negócio digital, será preciso estudar potenciais futuros clientes e entender quais tipos de interesses e problemas eles possam ter.

Nesse sentido, definir a persona do seu negócio, ou seja, o perfil do cliente ideal, seus gostos, hábitos e necessidades, pode ajudar você a planejar estratégias e criar conteúdos muito mais direcionados e efetivos.  

Faça seu negócio chegar ao seu público alvo

  Não importa se você já tem uma base de clientes ou quer construir uma: é essencial investir em estratégias para que pessoas cheguem ao seu negócio digital. Para começar, separamos três estratégias de marketing digital conhecidas por seus resultados efetivos:  

1. SEO

A otimização dos mecanismos de buscas, também conhecida pela sigla em inglês SEO, é uma ferramenta poderosa para todo negócio digital. Através de um conjunto de ações e estratégias, que possuem como base palavras-chaves relevantes, o site do seu negócio poderá ganhar uma posição de destaque no Google e aparecer para o público certo.  

2. Copywriting

Copywriting pode ser definida como a arte da escrita persuasiva, muito associada aos textos publicitários. Porém, é algo que vai muito além. Trata-se da arte de utilizar das palavras como método para divulgar uma marca, produtos e serviços, mas provocando sentimentos nas pessoas, como identificação e empatia.  

3. Redes sociais

Por fim e não menos importante entra o marketing nas redes sociais. É através destes canais que você irá divulgar seu conteúdo e conversar mais diretamente com a sua audiência. Também será o espaço para criação de mais conteúdos, como vídeos e posts com informações. Existem diversos técnicas e estratégias para gerar engajamento nas redes sociais, mas o principal é no que você tem a dizer. Lembre-se: pessoas se conectam com pessoas!  

Desenvolva um plano de marketing

Ter um plano de marketing é essencial para qualquer negócio, seja ele físico ou digital. É o documento que irá detalhar o planejamento e ações de marketing do seu negócio, colocando os objetivos de curto a longo prazo.

Voltando ao exemplo do curso de pizzas para iniciantes: para divulgar o curso, é preciso em quais estratégias apostar e como elas serão feitas. Não basta colocar o link do curso em qualquer lugar e esperar que as vendas venham sem nenhum esforço.

O plano de marketing ajudará exatamente nisso. Será lá que os objetivos e metas do negócio estarão, assim como a persona, os indicadores-chaves de sucesso, quem é o público, os prazos para cada estratégia, entre outros detalhes.

E lembre-se: busque sempre proteger seus dados, afinal, com um negócio na internet, você deverá ficar atento a algumas questões que elencamos nesse artigo.

 

O que achou do artigo?
Quer receber mais conteúdos como esses gratuitamente? Cadastre seu e-mail e receba nossos conteúdos!